Em 15/09/2016 às 09h39


Seleção Brasileira de Futebol de 7 PC perde para o Irã e disputa a medalha de bronze

Por: Marcella Macedo

image
Seleção Brasileira não conseguiu superar o Irã- Foto: Marcelo Regua/MPIX/CPB

A equipe brasileira de Futebol de 7 PC deu adeus ao sonho de conquistar pela primeira vez a medalha de ouro nos Jogos Paralímpicos. Na noite desta quarta-feira (14/09), o time canarinho perdeu para a Seleção do Irã pelo placar de 5 a 0 e não conseguiu conquistar uma vaga para a decisão do Rio 2016. Os brasileiros vão disputar a medalha de bronze no dia 16, às 14h00, conta a Holanda, no Estádio de Deodoro. 

Bicampeão Brasileiro, o Vasco da Gama forma a base da Seleção de Futebol de 7 PC. O Brasil conta nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro com o talento de sete atletas cruzmaltinos, são eles: Diego Delgado, Jean Diniz, Felipe Rafael, Jônatas Santos, Hudson Hyuri, Fernandes Vieira e Igor Romero. Ao lado dos demais companheiros, eles tentarão colocar o país pela primeira vez no pódio paralímpico nesta modalidade.

Escalação do Brasil: Marcão, Fernandes, Diego Delgado, Wesley, Wanderson e Leandrinho. Reservas: Jônatas, Zé Carlos, Hudson, Jean Diniz, Maycon, Felipe Rafael e Fabrizio. Técnico: Paulo Cabral.

Sobre o Futebol 7

Os jogadores de futebol de 7 pertencem às classes menos afetadas pela paralisia cerebral. Os paratletas são divididos em 4 classes, em função da sequela da paralisia cerebral: C5,C6,C7 e C8 – sendo C5 e C6 os com maior grau de comprometimento e C8 o de menor comprometimento. Cada time deve ter sempre um atleta que seja C5 ou C6 em campo. Se não houver jogador dessas classes, na substituição durante o jogo, a equipe jogará com seis jogadores. E só pode ter um C8 em campo. O esporte segue basicamente as regras da FIFA, com algumas adaptações: uma partida, por exemplo, é dividida em dois tempos de 30 minutos.

Comente essa notícia

Videos

Conheça o novo uniforme 1 do Vasco

desenvolvido por: