Em 14/10/2018 às 16h57


Torcida faz bonita festa e Vasco vence o Cruzeiro em São Januário

Por: Matheus Babo

São Januário, Rio de Janeiro

image
Grupo vibra com o gol de Yago Pikachu, que abriu o placar em São Januário (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)

O Vasco entrou em campo neste domingo (14/10) para encarar o Cruzeiro, em São Januário, pelo Campeonato Brasileiro, e venceu por 2 a 0, gols de Yago Pikachu e Maxi López. Com a vitória, o Gigante da Colina foi aos 34 pontos e subiu para a 13ª colocação na tabela de classificação.

O próximo compromisso do Cruzmaltino na competição será no sábado (20/10), diante do Sport, às 19h, na Ilha do Retiro.

image
Torcida cantou muito durante todo o jogo em São Januário (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)

O JOGO 

O Vasco começou buscando o gol. Logo no primeiro minuto, Andrey levantou na área buscando Maxi López, que por muito pouco, não conseguiu escorar para o gol. Aos 11, Ramon cobrou bem escanteio e Werley cabeceou, mas a bola foi para fora. Aos 18, Bruno Ritter abriu bem em Pikachu, que cruzou na área e fez com que a defesa adversária se atrapalhasse, mas o goleiro Rafael logo se recuperou.

O Cruzmaltino continuou tentando e teve nova oportunidade aos 32. Maxi López recebeu dentro da área e puxou para a perna esquerda, batendo forte, mas acaba sendo travado pela defesa do Cruzeiro. Três minutos depois, Pikachu puxou contra-ataque em velocidade e lançou em Cosendey. O volante buscou Fabrício, que perdeu na disputa, mas a bola sobre para Andrey, que tenta invadir a área e acaba desarmado.

image
Maxi López marcou um golaço na vitória por 2 a 0 (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)

Precisando da vitória, o Gigante da Colina voltou com tudo para o segundo tempo e abriu o placar logo aos 3 minutos. Fabrício recebeu de Cosendey, avançou até a linha de fundo e cruzou. Maxi López fez o corta-luz e Yago Pikachu completou de canhota. Bem no jogo, o time ampliou aos 24. Após cruzamento na área, a zaga afastou mal e Maxi roubou a bola. O argentino girou e bateu colocado, de canhota, para abrir 2 a 0.

Dois minutos após o gol de Maxi, o Vasco ficou com um a mais em campo. Mancuello de entrada dura por trás em Andrey e o árbitro o expulsou direto. O Vasco passou a tocar a bola e administrar o jogo. Aos 40, Luiz Gustavo levantou na área e Ramon cabeceou com perigo, quase ampliando. Dois minutos depois, Giovanni Augusto também tentou, mas bateu no meio do gol. Depois disso, foi só festa da torcida vascaína na Colina Histórica.

FICHA TÉCNICA
VASCO 2 X 0 CRUZEIRO

Estádio: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 14 de outubro de 2018, às 16h
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Renda/Público: 11.376 presentes/R$ 249.945,00
Cartão amarelo: Andrey, Leandro Castan, Jordi [do banco], Werley, Maxi López, Luiz Gustavo (VAS); Bruno Silva, Rafael Sóbis (CRU)
Cartão vermelho: Federico Mancuello (CRU)
Gols: Yago Pikachu (1-0, 3'/2ºT) e Maxi López (2-0, 25'/2ºT)

VASCO: Fernando Miguel; Luiz Gustavo, Werley, Leandro Castan (Oswaldo Henríquez 30'/2ºT), Ramon; Bruno Ritter, Bruno Cosendey (Henrique 12'/2ºT), Andrey; Yago Pikachu, Fabrício (Giovanni Augusto 20'/2ºT); Maxi López. Técnico: Alberto Valentim

CRUZEIRO: Rafael; Ezequiel, Cacá, Murilo, Patrick Brey; Bruno Silva (Sassá 8'/2ºT), Lucas Silva, Mancuello, David (Rafael Santos 31'/2ºT) ; Rafael Sóbis, Fred (Raniel 8'/2ºT). Técnico: Mano Menezes

image
Pikachu marcou o primeiro do Vasco no jogo (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)

Comente essa notícia

Videos

Fala, Maxi!

desenvolvido por: