Celso Roth destaca evolução vascaína dentro do Brasileirão

quarta-feira, 01/07/2015

A alegria tomou conta de São Januário na noite desta quarta-feira (01/07). Após bater o Flamengo por 1 a 0 no último fim de semana, o Gigante da Colina repetiu a dose e derrotou o Avaí pelo mesmo placar na Colina Histórica. Dessa vez, o meio-campista argentino Emanuel Biancucchi foi o autor do gol da vitória vascaína.
O resultado obtido diante dos catarinenses fez o cruzmaltino dar fim a um incômodo tabu. O Vasco não vencia em São Januário pela competição nacional desde 27 de julho de 2013, quando superou o Criciúma pelo placar de 3 a 2. De lá até agora, nove jogos, cinco derrotas e quatro empates. O primeiro triunfo em 2015 pelo torneio foi festejado.
– Resultado muito importante. Todos os jogos são dificeis. O que mudou no grupo foi a sua atitude. O Vasco está competindo, ou melhor, está tendo a humildade de competir. Temos problemas técnicos, mas todos têm. Precisamos reconhecer esses problemas e ter uma obediência tática grande. Nesses dois jogos, o Vasco teve consistência, muita consistência. Eles estão sabendo para onde tem que ir. Nosso time está agrupado – afirmou o treinador Celso Roth.


Celso Roth concedeu entrevista em São Januário- Foto: Paulo Fernandes-Vasco.com.br

Durante sua entrevista coletiva, o comandante fez um balanço de suas primeiras partidas à frente do time cruzmaltino. Celso Roth elogiou o desempenho da equipe e destacou o comprometimento dos jogadores, que estão unidos e querem recolocar o Vasco da Gama numa melhor situação dentro do Brasileirão.

– Bem pouco tempo atrás, o Vasco não conseguia fazer o gol. O time sofria e se desarrumava. Hoje, estamos tendo equilíbrio e por isso não levamos o gol. Não levando gol, teremos oportunidades de fazer. Precisamos aproveitá-las. O grupo do Vasco está consciente da atual situação do clube, desse momento. Eles sabem que o Vasco possui história e não pode estar numa situação tão ruim na tabela. Eles entenderam nossa mensagem, nossa metodologia e estamos conseguindo resultados. Agora temos que manter esse rendimento nos próximos jogos – finalizou o técnico cruzmaltino.

Em busca de sua terceira vitória seguida no Brasileiro, o Gigante da Colina encara a Chapecoense no próximo sábado (04), às 21 horas. A partida será realizada na Arena Condá, em Chapecó (SC). O cruzmaltino só enfrentou uma vez a equipe catarinense ao longo de sua história. Na oportunidade, em 1978, vitória vascaína pelo placar de 3 a 1.