Christianno descarta abatimento no Vasco: “Iremos dar a volta por cima”

segunda-feira, 10/08/2015

Um dia após empatar com o Joinville (SC), no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, o Vasco se reapresentou visando seu próximo compromisso no torneio nacional, contra o Santos, na quarta-feira (12), às 21 horas, na Vila Belmiro. Em São Januário, os jogadores que iniciaram a partida diante dos catarinenses fizeram um trabalho regenerativo na acadamia do clube.


Nenê durante treino desta segunda na Colina- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Os demais atletas subiram para ao gramado do Caldeirão e participaram inicialmente de um treinamento físico. A atividade foi comandada pelo preparador Paulo Paixão. Logo na sequência, o mesmo grupo foi dividido em três times para a realização de um trabalho técnico. Observada de perto pelo treinador Celso Roth, a movimentação foi dirigida pelos auxiliares cruzmaltinos.

Após o encerramento das atividades, o lateral-esquerdo Christianno se dirigiu à sala de imprensa vascaína e concedeu uma entrevista coletiva. Na oportunidade, o jogador de 23 anos lamentou o resultado obtido no “Maior do Mundo”, mas fez questão de destacar a mudança de postura da equipe de São Januário, que teve um volume ofensivo superior ao dos últimos compromissos.

– Tínhamos projetado a vitória contra o Joinville para iniciar uma sequência boa de resultados. Era importante vencer até para aumentar a confiança da nossa equipe. Infelizmente, não conseguimos atingir nosso objetivo, mas acredito que esses 10 dias de treinamentos nos fizeram evoluir e entender um pouco melhor a metodologia do professor Celso. Pressionamos mais o adversário e criamos boas chances, mas não fomos felizes na conclusão – analisou o camisa 6.

Ao longo de sua história, o Vasco já duelou com o Santos, seu próximo adversário, 54 vezes pelo Campeonato Brasileiro. O retrospecto é favorável ao Peixe, que possui 18 vitórias contra 15 do Gigante da Colina. Ocorreram ainda 21 empates. Apesar dos números, Christianno acredita que o time vascaíno possui capacidade de obter um resultado interessante na casa do rival, local onde não vence desde 2006.

– Não tenho medo de cair com o Vasco, pois confio que iremos dar a volta por cima. Nosso grupo tem jogadores renomados, como o Dagoberto, o Herrera, o Martín Silva e o Guiñazu, sem contar no Nenê e no Jorge Henrique, que chegaram para nos ajudar. O momento não é dos melhores, mas acredito que isso vai mudar. Vamos trabalhar forte para fazer um bom jogo contra o Santos – declarou o lateral-esquerdo.


Christianno em ação contra o Joinville no Maracanã- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

Antes de embarcar para a cidade de Santos, o Vasco fará mais um treinamento no Rio de Janeiro. A atividade será realizada na manhã desta terça-feira (11), às 09 horas, no Estádio de São Januário. Após o encerramento dos trabalhos, o clube fará a apresentação do atacante Jorge Henrique, seu novo reforço para a sequência da temporada.