Com casa cheia, Vasco pressiona e vence o Náutico por 2 a 0

domingo, 01/12/2013

Precisando vencer para sair do Z-4, o Gigante recebeu, na tarde deste domingo (01/12), a equipe do Náutico no Maracanã, em partida válida pela 37ª rodada do Brasileirão 2013. Em campo, o Cruzmaltino jogou bem, pressionou e venceu por 2 a 0. Com o resultado, o Vasco subiu para o décimo sétimo lugar, com 44 pontos. Agora, o Vasco volta a campo no próximo domingo (08/12), para enfrentar o Atlético-PR. O horário e o local do jogo ainda não foram definidos.

O jogo

Com gol relâmpago, Vasco termina o primeiro tempo em vantagem

Após alguns segundos trocando passes com o adversário, em alusão às manifestações do Bom Senso FC, o Gigante começou partindo para cima e, com menos de um minuto, Edmílson avançou pela esquerda e ganhou escanteio. Quatro minutos depois, Yotún chutou de longe e a bola explodiu na trave. No rebote, Edmílson chutou forte e estufou as redes, abrindo o placar. Aos sete, Marlone levantou a bola na área, mas Cris não conseguiu alcançar. Três minutos depois, Marlone cruzou, a bola desviou na zaga e por pouco não enganou o goleiro Ricardo Berna.

Na sequência, foi a vez de Fagner cruzar e Edmílson desviar, mas a bola saiu por cima do gol. Aos 16, Yotún cruzou e, após o corte da zaga adversária, o Vasco ganhou novo escanteio. Três minutos depois, após cobrança de falta próxima à área, Cris cabeceou forte, mas Ricardo Berna fez excelente defesa. Mais um escanteio para o Gigante. Na cobrança, Luan acabou pegando mal e a bola saiu em tiro de meta. Aos 27, Marlone levantou a bola na área, Thalles subiu para cabecear, mas Alison se antecipou e mandou para escanteio. Na cobrança, Edmílson roubou a bola da zaga e sofreu falta.

Em seguida, a zaga do time pernambucano conseguiu o domínio. Mas, o Gigante conseguiu roubar a bola rapidamente e Fagner foi lançado pela lateral, avançou em direção à área e chutou, mas a bola saiu em tiro de meta. Em resposta, aos 30, Maikon Leite passou pela marcação vascaína e chutou forte, mas a bola acabou subindo e saiu sem perigo. Cinco minutos depois, Marlone dominou no campo de ataque, limpou a marcação e chutou rasteiro, mas Ricardo Berna defendeu. Aos 38, Marlone cobrou falta direta para a área, mas o goleiro do Náutico ficou com a bola.

Nos minutos finais o Vasco manteve a pressão, mas esbarrou na boa atuação do goleiro Ricardo Berna e na forte marcação do Náutico. E, aos 46, com um minuto de acréscimo, o árbitro gaúcho Anderson Daronco encerrou o primeiro tempo.

Bernardo entra e amplia

Com a entrada de Robinho no lugar do garoto Thalles, o Vasco voltou para a segunda etapa. E, logo no primeiro minuto, Pedro Ken sofreu falta perigosa no campo de ataque, mas, na cobrança, a bola acabou saindo em tiro de meta. Em resposta, no minuto seguinte, Maikon Leite recebeu lançamento e tentou a cabeçada, mas Alessandro defendeu. Aos sete, Marlone lançou Robinho no campo de ataque, mas a zaga adversária conseguiu cortar.

Aos 15, Pedro Ken recebeu no ataque, mas foi derrubado quando se preparava para avançar. Na cobrança, Yotún chutou forte, mas a bola passou raspando o travessão. Aos 20, foi a vez do Náutico atacar em velocidade e, após bate-rebate na grande área, Alessandro ficou com a bola. Na sequência, Robinho foi lançado ao ataque, mas não conseguiu dar continuidade e acabou desarmado. Aos 26, Yotún puxou rápido ataque do Vascão, mas a zaga do Náutico estava bem postada e conseguiu retomar a posse de bola.

Cinco minutos depois, Yotún avançou pela lateral, mas acabou errando o cruzamento. No minuto seguinte, Bernardo cobrou falta direta para o gol, a bola chegou a pingar na pequena área, mas saiu em tiro de meta. Aos 37, Maikon Leite bateu falta perigosa no campo de ataque, mas o árbitro assinalou falta de ataque. Em resposta, Robinho recebeu ótimo lançamento, mas o assistente marcou o impedimento do atacante vascaíno. Aos 41, Bernardo fez uma joga genial e bateu colocado, ampliando o placar para o Gigante. Sem acréscimos, o árbitro encerrou a partida.

Próximo jogo

Agora, o Vasco volta a campo no próximo domingo (08/12), para enfrentar o Atlético-PR. O horário e o local do jogo ainda não foram definidos.

Ficha Técnica
VASCO 2 X 0 NÁUTICO

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 01/12/2013 – 17h (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Auxiliares: Altemir Hausmann (RS) e Rafael da Silva Alves (RS)
Cartões amarelos: Guiñazu, Robinho, Luan (VASCO); Alison, Bruno Collaço, Maranhão, Martinez (NÁUTICO);
Gols: Edmílson, 05/1ºT (1-0); Bernardo, 41/2ºT (2-0);

VASCO: Alessandro; Fagner, Luan, Cris e Yotún; Guiñazu, Abuda, Pedro Ken (Reginaldo, 44/2ºT) e Marlone (Bernardo, 28/2ºT); Thalles (Robinho, intervalo) e Edmilson. Técnico: Adilson Batista.

NÁUTICO: Ricardo Berna; Maranhão (Marcos Vinícius, 17/2ºT), Alison, Leandro Amaro e Bruno Collaço; Derley, Gustavo Henrique (Elicarlos, 28/2ºT), Martinez e Tiago Real; Rogério e Maikon Leite. Técnico: Marcelo Martelotte.