Com gols de Paulinho e Serginho, Vasco vence RB Bragantino na despedida do Brasileirão 2023

quinta-feira, 07/12/2023

Por: Caio Almeida | Comunicação

O Vasco da Gama recebeu o RB Bragantino na noite desta quarta-feira (6), em São Januário, pela última rodada do Campeonato Brasileiro 2023. Com gols de Paulinho e Serginho, o Gigante da Colina venceu por 2 a 1.

Com o resultado, o Vasco encerra a participação no Brasileirão na 15ª posição, com 45 pontos. Em 2024, o Campeonato Carioca, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro compõem o calendário Cruzmaltino.

Foto: Leandro Amorim / Vasco da Gama

A partida

Os primeiros minutos foram de muito estudo entre as equipes e uma chance para cada lado. Aos dois minutos, Payet levou perigo em cobrança de falta cruzada. Aos 12, Helinho, da equipe adversária, obrigou o goleiro Léo Jardim a fazer uma boa defesa após finalização de média distância. Com bastante resiliência, a equipe Cruzmaltina buscou o gol aos 29 minutos. Em jogada individual, o meia Paulinho, que substituiu Marlon Gomes, avançou pela intermediaria, superou adversários e, na hora da finalização, a bola desviou no marcador e morreu no fundo do gol.

Na segunda etapa, o adversário chegou ao gol de empate logo na primeira parte. Entretanto, o Vasco, mais uma vez, foi resiliente. Ramón Díaz promoveu alterações na equipe, sendo uma delas, a entrada do atacante Serginho. O Cruzmaltino, com uma postura mais ofensiva, rondou a área adversária, levou perigo em finalizações e pôde fazer São Januário ecoar o grito de gol aos 37 minutos do segundo tempo. Após bela jogada de Paulo Henrique pela direita, driblando marcadores, o lateral cruzou e Serginho apareceu na pequena área para cabecear e estufar as redes, confirmando a vitória do Gigante.

Foto: Matheus Lima / Vasco da Gama

O JOGO:
VASCO DA GAMA 2×1 RB Bragantino – São Januário – 06/12/2023 às 21h30

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (FIFA/GO)
Auxiliares: Bruno Raphael Pires (FIFA/GO) e Leone Carvalho Rocha
VAR: Rodolpho Toski Marques (FIFA/PR)
AVAR: Sidmar dos Santos Meurer
AVAR 2: Douglas Schwengber da Silva

VASCO: Léo Jardim; Paulo Henrique, Maicon, Medel (Léo), Lucas Piton; Jair (Zé Gabriel), Praxedes, Marlon Gomes, Payet (Serginho); Gabriel Pec e Vegetti. Técnico: Ramón Díaz.

RB Bragantino: Cleiton; Andrés Hurtado, Léo Realpe, Léo Ortiz, Luan Cândido; Matheus Fernands, Eric Ramires (Gustavinho), Lucas Evangelista; Helinho (Bruninho), Eduardo Sasha (Thiago Borbas) e Vitinho (Henry Mosquera). Técnico: Pedro Caixinha.

Cartões amarelos: Paulinho (VAS); Eduardo Sasha (RBB)

Cartão vermelho: Léo Realpe (RBB)

Gols: Paulinho, 29’/1ºT (1-0); Léo Ortiz, 18’/2ºT (1-1); Serginho, 37’/2ºT (2-1)

Vasco da Gama, o time que venceu o racismo