Instagram Facebook Tiktok Youtube Twitter Flickr
Bandeiras
Destaque

Sexta-feira, 18/02/2022

Zé Ricardo comemora vitória e presta solidariedade para Petrópolis

Após a vitória por 2 a 0 sobre o Bangu, na noite desta quinta-feira (17/02), o técnico Zé Ricardo concedeu uma entrevista coletiva. O comandante vascaíno avaliou o confronto como um “jogo de xadrez”,  disse que faltou um melhor tempo de marcação na primeira etapa e avaliou que a estratégia planejada para os primeiros 45 minutos foi abaixo do esperado.

– A gente sabia que seria praticamente um jogo de xadrez, o Bangu é um time que maneja bem a bola. No primeiro tempo faltou um melhor tempo de marcação, o Bangu tentava atrair a gente para jogar no campo de ataque deles para jogar nos espaços que porventura pudessem deixar e, como a gente não acertou o tempo de marcação, eles acabaram encontrando esses espaços. Realmente fomos abaixo do que tínhamos planejado de estratégia no primeiro tempo – avaliou Zé Ricardo.

A equipe cresceu de produção a partir da segunda etapa, justamente quando saíram os gols da partida. Zé Ricardo disse que a equipe voltou mais sincronizada sem a bola e quando tinha a posse, conseguiu criar possibilidades. Antes de finalizar, o comandante avaliou a importância dessa vitória, tendo em vista os objetivos da equipe dentro da competição.

– No segundo tempo corrigimos, a equipe voltou mais sincronizada sem a bola e, com a bola, também teve boa posse e conseguiu criar possibilidades. Sabíamos que quando abríssemos o marcador poderíamos encontrar muitos espaços, principalmente nas costas dos laterais do Bangu. Essa vitória nos leva a 16 pontos e nos deixa próximos do primeiro objetivo que é a classificação entre os quatro para depois buscar o título da Taça Guanabara.

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

Durante a entrevista coletiva, o técnico Zé Ricardo falou um pouco sobre a tragédia ocorrida em Petrópolis, Região Serrana do Rio de Janeiro. O comandante vascaíno parabenizou o Vasco pela iniciativa da arrecadação dos donativos e achou importante frisar toda a solidariedade para o povo da região.

– Acho importante frisar nossa solidariedade aos afetados pelas chuvas de Petrópolis e parabenizar o Vasco pela iniciativa da arrecadação dos donativos. Todos os clubes estão fazendo isso, e o Vasco, como não podia deixar de ser, utilizando toda sua força para ajudar o povo de Petrópolis – disse Zé.

Confira outros trechos da coletiva: 

Nenê

– É sempre difícil falar de atuações individuais num jogo que é estritamente coletivo, mas realmente o Nenê tem essa capacidade de fazer o jogo simplificar nos momentos mais difíceis e hoje também ele foi muito feliz. Importante a presença dele, dá confiança aos atletas.

Parte psicológica após ano difícil

– É um trabalho que está dentro dos nossos objetivos para a temporada, que a gente possa tentar recuperar os atletas da base, em especial, porque são jogadores de capacidade, cada um reagiu de uma forma no ano passado e agora com a gente. Mas a intenção principal é dar confiança e prepará-los para jogar. A torcida hoje foi sensacional, mesmo no primeiro tempo, quando não estávamos bem. Os jovens fazem um trabalho com todos para retomar a confiança, o que passou tem que servir de lição para o crescimento deles.

– Começamos hoje com o Riquelme, sentiu um pouco a falta de ritmo, por isso tirei ele. Mas importante a evolução do Juninho, Pec, Matías, Ulisses, que hoje descansou. Estou feliz pela entrega, sei que precisamos melhorar nessa questão sem bola, mas nas três últimas partidas sofremos apenas um gol, o que mostra evolução.


Compartilhe esta notícia
Cruz de Malta

Outras Notícias