Doriva lamenta derrota e analisa desempenho da equipe

domingo, 05/04/2015

Técnico vascaíno admite falhas do time, mas garante "que um jogo atípico não vai mudar o que vem sendo feito"

Julio dos Santos disputa bola com jogadores do Friburguense – Foto: Marcelo Sadio/Vasco.com.br

A noite não foi a desejável para os vascaínos no Estádio Eduardo Guinle, em Nova Friburgo. Com a derrota por 5 a 4 para o Friburguense, o Vasco não alcança mais a liderança da Taça Guanabara e fica dependente de um empate contra o Volta Redonda, na próxima quarta-feira (08/04), para se classificar para as semifinais do Carioca. Apesar do resultado negativo, o técnico Doriva se diz esperançoso com o desempenho da equipe.

– Um resultado atípico não mudará tudo que vem sendo feito até agora no time. O Vasco teve jogos bons, consistentes. Não é porque  perdemos  um jogo desses que acabou tudo. Temos que ter equilibrio, trabalhar mais. Dependemos só de nós, para fazer o jogo em casa, refletir e amadurecer para que o desempenho continue bom para conseguirmos a classificação para as semifinais – ressaltou o comandante vascaíno. 
Bastante observador, o treinador admite falhas da equipe na atuação contra o Friburguense. 
– Houve as falhas, dois de bola parada, de cabeça. Estipulamos marcação individual e o sistema não foi eficiente, principalmente nas bolas aéreas. Perdemos equilibrio depois que levamos os gols. No intervalo, corrigimos, mudamos a estratégia, adiantamos as laterais, criamos chances, fizemos gols, mas custou caro a atuação do primeiro tempo – finalizou. 
O elenco retorna aos treinamentos nesta segunda-feira (06/04), às 16h, em São Januário. Pela última rodada da Taça Guanabara, o Gigante da Colina encara o Volta Redonda na quarta-feira, às 22h, na Colina Histórica.