Equipe de Fut-7 do Vasco vai a São Januário entregar a taça do Torneio Rio-São Paulo

sábado, 06/02/2021

Por: Breno Prata, São Januário

A equipe de Fut-7 do Vasco esteve presente em São Januário, neste sábado (06/02), para entregar o troféu de campeão do Torneio Rio-São Paulo, conquistado no último final de semana. Estiveram presentes nessa entrega, todo o elenco campeão, diretores e o Vice-Presidente do Centro de Memória do Vasco Horácio Júnior, responsável por receber o caneco. Ailton José, eleito melhor jogador do torneio falou um pouco sobre essa conquista e revelou estar realizando um sonho.

– É um sonho, poder jogar nessa modalidade do Fut-7. Comecei tem um ano e meio e poder ser campeão com essa camisa, significa muito para mim. Treino bastante e estou sempre correndo atrás dos meus objetivos, enfim consegui esse prêmio tão especial, que foi ser eleito o melhor do torneio – disse Ailton.

Equipe do Centro de Memória junto com a diretoria do Fut-7 vascaíno (Foto: Marlon Goulart/Divulgação)

A decisão do Torneio Rio-São Paulo foi decidida no pênaltis e contou com uma participação muito especial do goleiro Luan Teles que defendeu a cobrança que trouxe o título ao Vasco. Luan descreveu toda sua emoção vivida naquele momento e projetou suas expectativas para o restante da temporada para a equipe.

– A partir do momento que a gente veste a camisa do Vasco, a gente tem que pensar grande, temos que pensar em títulos. Naquele momento das penalidades, estava confiante, todos me apoiaram no momento e foi a hora de chegar e ser decisivo. Agora os nossos objetivos para essa temporada, são os outros títulos, vamos jogar agora o Campeonato Carioca, Campeonato Brasileiro e vamos rumo a Liga das Américas.

Equipe de Fut-7 do Vasco na entrega da Taça do Torneio Rio-São Paulo (Foto: Marlon Goulart/Divulgação)

Henrique Wruck, é atleta do Fut-7 vascaíno desde 2016, quando chegou com o status de Melhor Jogador do Mundo na época. O meia é hoje, o capitão da equipe e com toda sua experiência ajudou o Gigante da Colina a levantar mais uma taça. Henrique relevou estar realizando um sonho de criança ao ser novamente campeão com a camisa vascaína e relembrou a conquista do Campeonato Brasileiro de 2017 em cima do Flamengo.

– Para mim que sou vascaíno desde pequeno, é uma emoção muito grande, é a realização de um sonho. Em 2017, a gente teve uma experiência muito boa, quando fomos campeões brasileiros em cima do Flamengo, fizemos uma volta olímpica aqui em São Januário. Na época, o Vasco estava brigando para ir a Libertadores, então foi um momento muito especial aqui no clube.

 

Vasco da Gama, o time que venceu o racismo