Fora de casa, Vasco perde para o Grêmio por 1 a 0

quarta-feira, 13/11/2013

Depois de uma reação incrível diante do Santos no Maracanã, o Gigante viajou para o Rio Grande do Sul, para enfrentar a equipe do Grêmio, na noite desta quarta-feira (13), pela 34ª rodada do Brasileirão 2013. Mas, em campo, o Cruzmaltino acabou perdendo por 1 a 0. Com o resultado, o Vasco caiu para o décimo sétimo lugar, com 37 pontos. Agora, o Vasco volta a campo no próximo domingo (17/11), às 17h, no Pacaembu, para enfrentar o Corinthians.


Crédito da foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

O jogo

Vasco joga bem, mas não sai do zero

Procurando melhorar seu aproveitamento fora de casa, o Gigante começou a partida de forma cautelosa, esperando um pouco a atitude do adversário. E, com menos de um minuto, Barcos recebeu na entrada da área e tentou o cruzamento, mas Renato Silva chegou bem e fez o corte. Três minutos depois, Pará levantou a bola para a área vascaína, Alessandro dividiu pelo alto e Jomar afastou de cabeça. Na sequência, foi a vez do Vasco pressionar o goleiro Dida, que recebeu de Bressan e teve que afastar a bola de qualquer jeito, já que o atacante Edmílson estava por perto e o goleiro não poderia utilizar as mãos.

Aos dez, Pará avançou e cruzou pela direita, Souza desviou no meio do caminho, mas Alessandro defendeu. Três minutos depois, Zé Roberto bateu falta direta para o gol, mas a bola acabou passando por cima do travessão. Aos 16, Pedro Ken roubou a bola na intermediária e lançou Marlone, que dominou e bateu forte, mas Dida fez uma ótima defesa, salvando o Grêmio. Aos 20, Marlone cobrou falta para a párea gremista, mas a bola saiu em tiro de meta. Na sequência, Barcos foi lançado na área, dominou a bola e chutou, mas Jomar conseguiu o desviou e mandou para escanteio. Na cobrança, Guiñazu tirou.

Aos 22, Edmílson recebeu bom lançamento, invadiu a área, mas errou na finalização. Cinco minutos depois, o Grêmio atacou com Kléber, mas Cris chegou firme e ficou com a bola. Aos 30, após linda tabela no campo de ataque, Fagner foi ao fundo e cruzou, mas a zaga adversária afastou. Aos 34, Edmílson pegou a sobra na entrada da área, mas não chutou forte e Bressan conseguiu cortar. Três minutos depois, após tabela entre Pedro Ken e Fagner, o camisa 10 do Gigante chutou forte, mas Dida defendeu. Aos 42, Alex Telles cobrou falta muito perigosa em direção ao gol, mas a bola saiu em tiro de meta. E, aos 47, o árbitro Francisco Carlos do Nascimento encerrou o primeiro tempo.

Grêmio faz gol relâmpago e vence

Sem mudanças, o Vasco voltou com a mesma postura para a segunda etapa. E, aos dois minutos, após boa jogada individual de Pedro Ken, que acabou derrubado, Marlone cobrou falta direta para a área, mas a bola saiu em tiro de meta. Aos cinco, Rhodolfo aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou no canto direito de Alessandro, abrindo o placar. Aos nove, Marlone levantou a bola para a área, mas a arbitragem já havia marcado uma falta do ataque vascaíno. Em resposta, no minuto seguinte, Pará desceu em velocidade pela direita e cruzou para Kléber, que foi travado por Jomar na hora do chute.

Aos 18, Maxi Rodríguez bateu falta rasteira em direção a área, mas a bola cruzou toda a frente do gol e acabou saindo em tiro de meta. Aos 23, Marlone cobrou escanteio e Cris cabeceou para o gol, mas Dida defendeu. Quatro minutos depois, Pedro Ken recebeu de Fagner, avançou e chutou forte, mas a bola acabou subindo e saiu por cima do travessão. Aos 29, Wendel pegou a sobra na área do Grêmio e bateu muito bem, mas Dida fez boa defesa. Dois minutos depois, Maxi Rodríguez recebeu na entrada da área, girou sobre a marcação e bateu de bico, mas a bola acabou saindo. Aos 36, Willie foi travado na hora do chute e, no rebote, Pedro Ken não conseguiu concluir.

Aos 42, o Vasco foi ao ataque com Sandro Silva e Marlone, mas a zaga do Grêmio conseguiu afastar o perigo. Dois minutos depois, Willie foi lançado, mas Dida se antecipou e conseguiu chegar antes, ficando com a bola. Aos 45, Marlone tentou lançamento para Fagner, mas foi travado. Na sequência, Fagner conseguiu alcançar a bola e cruzou para Pedro Ken, que dominou e tentou chutar, mas acabou travado. Aos 46, Maxi Rodríguez saiu na cara do Alessandro, que conseguiu defender. Em resposta, André recebeu cruzamento da direita e cabeceou, mas a bola saiu sem perigo. Aos 48, o árbitro encerrou a partida.

Próximo jogo

Agora, o Vasco volta a campo no próximo domingo (17/11), às 17h, no Pacaembu, para enfrentar o Corinthians.

Ficha Técnica
GRÊMIO 1 X 0 VASCO

Local: Arena do Grêmio, Rio Grande do Sul (RS)
Data-Hora: 13/11/2013 – 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento
Auxiliares: Pedro J. Santos de Araujo e Esdras Mariano de Lima Albuquerque
Cartões amarelos: Pedro Ken (VASCO); Barcos (GRÊMIO);
Gols: Rhodolfo, 05/2ºT (1-0);

GRÊMIO: Dida; Pará, Bressan, Rhodolfo e Alex Telles; Souza, Riveros, Ramiro e Zé Roberto (Maxi Rodríguez, 15/2ºT); Kleber (Elano, 29/2ºT) e Barcos (Werley, 41/2ºT). Técnico: Renato Gaúcho.

VASCO: Alessandro; Fagner, Renato Silva, Jomar (Willie, 11/2ºT), Cris e Wendel; Guiñazu (Sandro Silva, 15/2ºT), Abuda e Pedro Ken; Marlone e Edmilson (André, 32/2ºT). Técnico: Adilson Batista.