Instagram Facebook Tiktok Youtube Twitter Flickr
Bandeiras
Futebol

Sexta-feira, 07/09/2018

Na expectativa por retorno, Werley mira volta por cima no Brasileirão


Valentim conversa com os jogadores na Toca da Raposa- Fotos: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

O revés diante do América Mineiro já faz parte do passado no Vasco da Gama. Na tarde desta sexta-feira (07/09), em Belo Horizonte, o Gigante da Colina iniciou a preparação para o importante jogo com o Vitória. A atividade foi realizada na Toca da Raposa II, local de treinos do Cruzeiro, e contou com a participação dos jogadores que não atuaram mais de 45 minutos contra o Coelho na noite da última quinta (06). 

Um desses atletas, o zagueiro Werley, participou normalmente de toda a movimentação comandada pelo técnico Alberto Valentim e demonstrou estar totalmente recuperado da lesão no braço esquerdo que o afastou dos gramados por aproximadamente quatro meses. Em entrevista ao Site Oficial, o defensor não escondeu a satisfação por ter a possibilidade de voltar a fazer o que mais ama: jogar futebol.

– A felicidade é muito grande. Depois de tanto tempo jogando futebol, essa foi a primeira lesão séria que me impossibilitou de estar trabalhando e ficar longe dos gramados e da convivência com os meus companheiros. Senti falta até daquela cobrança que existe quando se defende a camisa de um grande clube. Quis o destino que a primeira concentração fosse logo aqui na minha terra, onde comecei. Estou muito feliz e venho trabalhando forte para estar à disposição da comissão técnica o mais rápido possível – declarou o camisa 34.


Werley pode retornar ao time vascaíno diante do Vitória, em Salvador

Contratado junto ao Coritiba no início da temporada, Werley já entrou em campo 15 vezes com a camisa cruzmaltina, a última delas diante do Paraná Clube, no dia 30 de maio. Ao contrário daquela época, o Gigante da Colina hoje atravessa um momento conturbado dentro do Campeonato Brasileiro. Em 16º lugar, com 24 pontos, o Almirante perdeu os últimos três jogos que disputou no torneio. 

– A primeira coisa que precisamos é saber o que está nos faltando. Se não temos conseguido vencer, alguma coisa falta. Nós jogadores temos ciência de que podemos nos doar um pouco mais e valorizar a camisa que vestimos. Eu tenho certeza que o Alberto irá fazer um Vasco muito forte. Nós queremos retribuir a confiança e o carinho que o torcedores têm tido conosco. Sabemos que estamos devendo, mas iremos trabalhar ainda mais para as vitórias aparecerem e conseguirmos dar alegria para eles – afirmou Werley, completando em seguinda.

– Temos um grupo bom, que gosta de trabalhar, nosso dia a dia é muito bom. Já fizemos grandes jogos durante ano, mas no momento está faltando algo e precisamos achar a solução o mais rápido possível, até para que conseguirmos as vitórias dentro de campo e nos afastar dessa zona perigosa, lugar que ninguém quer estar por perto. Usando a linguagem do futebol, teremos que “ralar muito a bunda no chão” para que os resultados apareçam e a gente recoloque o Vasco no lugar que ele merece – concluiu o zagueiro.


Thiago Galhardo suando a camisa durante atividade em Belo Horizonte


Moresche e Ramon durante trabalho técnico na Toca- Fotos: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br


Compartilhe esta notícia
Cruz de Malta

Outras Notícias