Juninho acredita que gol desestabilizou a equipe

quinta-feira, 03/05/2012

O Vascão conseguiu uma importante vantagem ao vencer o Lanús (ARG) por 2 a 1, nesta quarta-feira (02), em São Januário, na primeira partida válida pelas oitavas de final da Copa Libertadores. Com o resultado, o Vasco joga por um empate para se classificar para próxima fase. Os gols vascaínos foram marcados por Alecsandro e por Diego Souza, que fez uma pintura na Colina Histórica. O golaço lembrou muito o do presidente Roberto Dinamite.

Para o Reizinho da Colina, após o jogo estar sob o controle do Cruz-Maltino na primeira etapa, o seu ritmo caiu no segundo tempo por causa do tento adversário.

– O time vinha dominando o jogo, a gente tinha todas as ações nos nossos pés. Eles praticamente não criaram nada. O time estava controlando, teve situação, eu acho que a posse de bola a maioria era nossa praticamente eles não criaram nenhuma oportunidade de gol. Libertadores é isso aí. Às vezes você acha que está dominando o jogo, e toma um gol  – analisou o camisa 8.

O jogador ainda enalteceu a qualidade do Trem Bala da Colina, mas salientando que ele deve melhorar o controle durante a partida.

– Talvez seja isso aí que falte para o nosso time, temos talento, temos qualidade, mais ainda falta um pouquinho para sermos os melhores do Brasil e podermos assim ganhar a Libertadores – finalizou o capitão.

Próximo jogo

O Vasco enfrentará a partida da volta das oitavas de final da Libertadores contra o Lanús (ARG), às 22h, na próxima quarta-feira (09), no estádio Néstor Díaz Pérez, na Argentina.