Romário mata saudade de São Januário e conhece o CAPRRES

sexta-feira, 12/08/2016


Nenê e Romário se conheceram em São Januário- Foto: Nelson Costa/Vasco.com.br

Ídolo vascaíno e um dos maiores jogadores da história do futebol, Romário retornou ao lugar onde iniciou sua vitoriosa trajetória no esporte. Na tarde desta sexta-feira (12/08), o eterno camisa 11 visitou o Complexo Esportivo de São Januário para conhecer as modernas dependências do CAPRRES (Centro Avançado de Prevenção, Reabilitação e Rendimento Esportivo).

Na oportunidade, o ex-atacante reencontrou Jorginho e Zinho, com quem se sagrou tetracampeão mundial em 1994, e Valdir Bigode, outro grande atacante revelado no Gigante da Colina. Após matar a saudade dos amigos, Romário foi abordado por Nenê, grande destaque cruzmaltino na temporada. Os dois posaram para fotos e trocaram elogios durante alguns minutos: “Ele é o cara”, disse o “Baixinho” ao avistar o camisa 10. 

– É uma grande honra visitar o clube onde fui projetado, que abriu as portas para mim. Foi aqui que obtive as maiores conquistas durante a minha trajetória como jogador no Brasil. Sempre me senti em casa aqui no Vasco, principalmente com o Eurico como presidente. Tive a oportunidade de rever alguns amigos, como o Jorginho, o Zinho, o Valdir e o Isaías. Além disso, conheci as novas dependências do clube. Sempre ouvi falar bem do CAPRRES e hoje, vendo com os meus próprios olhos e conhecendo o objetivo, afirmo que ele é fantástico – afirmou Romário, com exclusividade ao Site Oficial.

Lançado pelo Vasco aos 19 anos, Romário atingiu o seu ápice na temporada de 1994, quando foi eleito o melhor jogador do mundo pela FIFA e se tornou o primeiro brasileiro a receber o prêmio, após ser decisivo na conquista da Copa do Mundo daquele ano. Pelo Gigante da Colina, o “Baixinho” conquistou títulos importantes, como os Campeonatos Cariocas de 1987 e 1988, a Copa Mercosul de 2000 e o Campeonato Brasileiro, também na temporada de 2000. É ele, inclusive, o segundo maior artilheiro da história cruzmaltina, com 326 gols.


Jorginho e Romário se reencontraram na Colina- Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br