Em 16/11/2015 às 16h38


Vasco conquista o Campeonato Sul-Americano na categoria 4x4

Por: Thiago Moreira

Campeão de terra, mar e areia! Primeiro clube a conquistar o Mundial Interclubes de Beach Soccer, em 2011, o Vasco brilhou mais uma vez neste tipo de solo, confirmando sua vocação vitoriosa em qualquer terreno. Desta vez, o Gigante da Colina se sagrou campeão Sul-Americano 4x4 de Futevôlei. Disputado entre os dias 12 e 14 de novembro, na Cidade do Leste, no Paraguai, a competição reuniu os grandes times da América do Sul no esporte.

Líder do ranking brasileiro, o Cruzmaltino entrou como um dos favoritos à conquista do torneio. Com a equipe formada pela dupla Marcellinho e Eduardinho, acompanhados pelos atletas Bello, Luiz Felipe e Café, o Vasco derrotou cinco equipes até alcançar o topo do pódio. Quatro jogadores compunham o time titular, enquanto um ficava no banco. A grande decisão ocorreu no último domingo (15), contra outro clube brasileiro, a Chapecoense. 

Durante todo o campeonato, os jogos tinham somente um set, valendo 21 pontos, tendo que abrir dois pontos de vantagem ou mais para vencer. Já na final, eram disputados dois sets, no mesmo formato, porém, precisando somar 18 pontos. Em caso de empate, um terceiro set aconteceria, valendo 15. Com um equilíbrio grande entre os finalistas, a decisão no set desempate, conhecido como "tie-break", se mostrou, desde o início, uma forte possibilidade. 

image
Jogadores vascaínos comemoram um dos pontos da partida

O primeiro set terminou com vitória dos catarinenses por 18 a 10. No segundo, recuperação vascaína, com o placar de 18 a 12. O talento dos times ficou ainda mais evidente no último set. Depois de belos lances feitos pelas equipes, o placar mostrava 14 a 14. Em uma jogada genial, o cruzmaltino Marcellinho efetuou uma bicicleta perfeita, sem chances de defesa. O lance tem o valor de dois pontos no futevôlei, e finalizou o duelo, confirmando o troféu para o clube de São Januário.

Grande destaque da partida final, Marcellinho viveu um drama no começo do mês de outubro. Ele e Eduardinho representavam o Vasco na final do Campeonato Carioca, no dia 04, quando o atleta teve que abandonar a partida devido a um corte profundo no pé, sendo obrigado a tomar dez pontos no local. A dupla vascaína estava invicta no ano, e acabou perdendo o título devido à contusão do jogador. Sem saber se conseguiria retornar, Marcellinho não só atuou no Sul-americano, como foi o herói da conquista.

- Para mim foi a volta por cima porque no dia da final do Carioca, eu tive um rasgo no pé e tive que abandonar a final. Tomei dez pontos, fiquei três semanas de fora dos treinos e com risco de não me recuperar para o torneio internacional. Mas, tudo deu certo, graças à Deus e à força dos meus parceiros - disse o campeão, que também falou sobre o lance ousado no final da partida, que garantiu o título para o Vasco da Gama.

- Foi totalmente do momento. O jogo foi muito difícil e eles tinham um dos melhores atacantes, além de um dos melhores defensores do torneio. Então, não adiantava trocar vantagem (pontos), porque poderíamos perder e só fui para a bicicleta porque meus companheiros me incentivaram. Quando vi a bola no chão, foi imensurável e indescritível o momento! Muito bom poder ter sido campeão! - afirmou Marcellinho.

No dia 05 de dezembro, em Vila Velha, no Espírito Santo, Marcellinho retorna à areia com seu parceiro Eduardinho para o Desafio de Titãs. O torneio reunirá as dez melhores duplas de futevôlei do Brasil, com o intuito de coroar a melhor de 2015.

Veja a trajetória cruzmaltina no Campeonato Sul-Americano de Futevôlei 4x4:

Vasco 21 x 18 Novo Hamburgo

Vasco 21 x 17 Cerro Portenho

Vasco 21 x 15 Olímpia

Semifinal

Vasco 21 x 14 Náutico

Final

Vasco x Chapecoense
10x18 18x12 16x14

Classificação final do Campeonato Sul-Americano de Futevôlei 4x4:

1º- Vasco
2º- Chapecoense
3º- Náutico
4º- Novo Hamburgo
5º- Flamengo
6º- Olímpia 

Comente essa notícia

Videos

Rolé no Rio - Leandro Castan

desenvolvido por: