Em 25/01/2019 às 14h40


Vasco reage, mas é superado pelo São Paulo nos pênaltis na final da Copinha

Por: Matheus Babo

Pacaembu, São Paulo

Os Meninos da Colina encerram a participação do Vasco na competição honrando a camisa. Depois de estar perdendo do São Paulo por 2 a 0 na decisão nesta sexta-feira (25/1), o Cruzmaltino empatou em 2 a 2, com gols de Lucas Santos e Tiago Reis, mas acabou derrotado nos pênaltis por 3 a 1. Lucas Santos converteu para o Vasco, enquanto Tiago Reis, Norões e Riquelme desperdiçaram.

image
Equipe vascaína posa para foto antes do jogo (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br)

O JOGO

A primeira chance vascaína veio aos 2 minutos, com Bruno Gomes arriscando de fora da área, mas pressionado, acabou pegando mal na bola. Aos 7, o Vasco chegou tabelando e Tiago Reis cruzou para o meio da área, mas João Pedro não alcançou. O jogo era nervoso, com poucas chances criadas pelos dois lados. Empurrado pela torcida, o São Paulo atacava mais, mas sem criar oportunidades muito claras.

O Vasco assustava quando roubava no meio-campo e saía rápido para o ataque, mas o último passe não encaixava. Aos 38, o São Paulo abriu o placar com Gabriel Novaes: 1 a 0. O Cruzmaltino respondeu rápido, em escanteio que a zaga do São Paulo afastou mal, mas Coutinho mandou pra fora.

A chuva caiu forte no Pacaembu e o segundo tempo começou com o Vasco tentando marcar a saída de bola do São Paulo. Aos 7, o adversáerio ampliou com Antony: 2 a 0. o Vasco respondeu rápido um minuto depois, Tiago Reis fez boa jogada pela direita e serviu Linnick. O camisa 8 bateu rasteiro e o goleiro são-paulino fez boa defesa. Aos 12, João Pedro cobrou falta na área e Norões desviou no meio do gol.

Aos 14, Tiago Reis teve ótima oportunidade, mas bateu embaixo da bola e mandou por cima do gol. Aos 30, Laranjeira arriscou chute de longe e foi derrubado. Falta próxima ao gol. Falta que Lucas Santos cobrou com muita categoria para diminuir. Golaço: 2 a 1. Aos 35, Caio Lopes tentou lançamento para Tiago Reis, mas a zaga são-paulina cortou no limite. Aos 38, Riquelme achou Tiago Reis, que dominou e bateu forte para marcar seu nono gol na Copinha e empatar: 2 a 2. O Vasco continuou na pressão, mas não conseguiu a virada. Com o empate persistindo, a partida foi para os pênaltis.

Escalação do Vasco: Alex, Cayo Tenório, Ulisses, Norões e Coutinho (Riquelme); Bruno Gomes (Laranjeira), Caio Lopes e Linnick (Alexandre); João Pedro (Talles), Lucas Santos e Tiago Reis - Técnico: Marcos Valadares

Comente essa notícia

Videos

#JamaisTerásACruz

desenvolvido por: