Em 02/10/2019 às 19h04


Vasco briga até o fim e vence o Atlético-MG de virada no Independência

Por: Matheus Babo

São Januário, Rio de Janeiro

O Vasco venceu o Atlético-MG por 2 a 1, nesta quarta-feira (2/10), na Arena Independência, pelo Campeonato Brasileiro. O gol vascaíno foi marcado pelo atacante Rossi, aos 21 minutos da segunda etapa, de pênalti. Com o resultado, a equipe chegou aos 27 pontos e está em 13º lugar na tabela de classificação.

O próximo compromisso do Gigante da Colina na competição será no próximo sábado (5/10), diante do Santos, em São Januário, às 17h.

image
Marcos Júnior foi muito festejado pelo grupo após o gol da vitória (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)

O JOGO

A primeira boa oportunidade do Vasco no jogo veio logo aos 6 minutos. Pikachu arrancou pela direita, esperou a ultrapassagem de Raul e tocou no volante, que cruzou para a área. A bola sobrou em Talles, que bateu em cima da defesa. Aos 15, Marrony deu em Ribamar na esquerda. O atacante esperou a chegada de Andrey e tocou no camisa 15, que bateu bonito, de primeira, mandando muito perto do gol. Um minuto depois, após saída errada do Galo, Ribamar recuperou e tentou, mas o goleiro fez boa defesa.

Aos 19, Marrony invadiu a área, ajeitou para a canhota, mas pegou mal na bola. Aos 21, Talles tocou para Andrey, que tentou o chute colocado, mas mandou por cima. Aos 31, Talles fez grande jogada pela esquerda, driblou dois marcadores, mas os companheiros de ataque não o acompanharam. Aos 47, Pikachu cobrou falta no segundo pau e Talles testou bonito, acertando a trave.

image
Rossi marcou, de pênalti, o primeiro gol do Vasco na partida (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)


Na segunda etapa, a primeira grande chance veio logo aos 2 minutos. Marrony tabelou com Raul e bateu bonito de canhota, colocado, obrigando o goleiro a fazer grande defesa. Aos 6, novamente Marrony recebeu na área e acabou derrubado, mas a arbitragem mandou seguir o jogo. Aos 14, o adversário abriu o placar: 1 a 0. O Vasco respondeu rápido. Aos 18, Marrony disputou bola na área, levou um chute no rosto e o árbitro marcou pênalti. Rossi cobrou com tranquilidade e empatou o jogo: 1 a 1.

Aos 23, Pikachu arriscou um chute de fora da área, a bola desviou, mas chegou sem força ao gol. O jogo ficou equilibrado, com o Atlético buscando as bolas pelo alto e o Vasco tentando encaixar um contra-ataque. Aos 48, Rossi recebeu na direita, fez linda jogada e cruzou de três dedos para Marcos Júnior, que dominou com o peito e encheu o pé para virar o placar: 2 a 1. Gol que selou a vitória vascaína em Belo Horizonte.

image
JJogadores cruzmaltinos comemoraram a vitória com o Trem-Bala da Colina (Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)

Comente essa notícia

Videos

#JamaisTerásACruz

desenvolvido por: