Em 20/02/2020 às 11h05


Fernando Miguel vê Vasco melhor no confronto e diz que time mereceu classificação

Por: Assessoria de Imprensa

São Januário, Rio de Janeiro

Seguro durante os 180 minutos do confronto diante do Oriente Petrolero (BOL), pela primeira fase da Conmebol Sul-Americana, o goleiro Fernando Miguel saiu sem ser vazado e garantiu a classificação do Vasco. O camisa 1 analisou o desempenho do time durante os dois jogos e ressaltou que a classificação foi merecida e poderia até ter vindo com mais tranquilidade, caso o time aproveitasse as oportunidades criadas.

image
Fernando Miguel ainda não foi vazado na Sul-Americana (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

- Sabíamos que o jogo aqui seria difícil. A equipe do Oriente demonstrou uma capacidade e organização tática importante no primeiro jogo. Viemos sabendo das dificuldades que encontraríamos. Dentro da partida nós alternamos o controle do jogo, mas fazendo a leitura dos 180 minutos, creio que fomos superiores pelo volume de oportunidades criadas. Tanto no Brasil, quanto aqui. Saímos com a classificação felizes, contentes, mais uma vez por não levar gols e criar muitas oportunidades. Início de temporada, de ano, vamos valorizar na intensidade que um confronto de Sul-Americana merece. Lutamos para estar aqui, então temos que valorizar essa classificação - disse o goleiro.

Fernando Miguel também afirmou que o adversário valorizou a classificação do Cruzmaltino. O arqueiro lembrou que o Oriente Petrolero criou algumas chances e que em jogos eliminatórios isso acaba acontecendo, mas saiu satisfeito com o que o Vasco mostrou nos dois jogos e valorizou o triunfo obtido em Santa Cruz de la Sierra: 

- Decisões são assim. Por vezes você sofre e corre riscos. A equipe do Oriente, em momento algum deixou de acreditar. Lutou até o final. Conseguimos suportar bem defensivamente e taticamente na nossa organização. Conseguimos não sofrer gol. Creio que se tívessemos um pouquinho mais de tranquilidade na penúltima e última bola as coisas não se arrastariam até o último minuto e a classificação teria sido mais tranquila. Vamos valorizar o que foi feito de bom, que foram as oportunidades criadas, a velocidade do contra-ataque e voltamos felizes com a classificação.

Comente essa notícia

Videos

Rolé no Rio - Leandro Castan

desenvolvido por: