Em 02/07/2020 às 19h44


Vasco vence o Madureira pela última rodada da Taça Rio em São Januário

Por: Matheus Babo

São Januário, Rio de Janeiro

O Vasco venceu o Madureira por 1 a 0, nesta quinta-feira (2/7), em São Januário, em jogo válido pela última rodada da Taça Rio. O gol foi marcado pelo argentino Germán Cano, aos 38 minutos do segundo tempo. O camisa 14 chegou ao nono gol dele em 13 jogos na temporada. Apesar da vitória, o Cruzmaltino não conseguiu a classificação para as semifinais da competição.

O próximo compromisso do Cruzmaltino será diante do Palmeiras, ainda sem data definida, pelo Campeonato Brasileiro. 

image
Cano comemora o nono gol dele na temporada (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

O JOGO

Precisando da vitória, o Vasco tomou a iniciativa e o controle do jogo desde o primeiro minuto. Aos 2, Vinícius fez boa jogada pela direita, canetou o adversário e foi derrubado pela direita. O Madureira jogava bem retrancada e as chances eram raras. O Cruzmaltino foi girando a bola e buscando os espaços. Aos 19, Andrey levantou na área e Cano acompanhou, mas a zaga afastou no limite. Aos 23, Cano recebeu lançamento de Benítez e completou para o gol, mas estava em posição irregular.

As melhores chances vinham pelo lado direito. Aos 30, Vinícius fez boa jogada individual, passou por três, mas não evitou a saída da bola. As melhores chances vieram após os 41. Benítez levantou na área e Ricardo Graça desviou por cima do gol. Aos 46, Talles fez boa jogada individual pela esquerda, puxou para o meio e tentou o chute colocado, mas mandou pra fora. Um minuto depois, foi a vez de Benítez arriscar de fora da área, obrigando o goleiro a fazer boa defesa.

image
Talles encara a marcação adversária em São Januário (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

A primeira chance no segundo tempo veio aos 3 minutos. Vinícius sofreu falta na direita e Benítez levantou na área, mas a zaga afastou. Pouco depois, Benítez deixou Vinícius no fundo e ele cruzou para trás, a zaga afastou e no rebote Andrey soltou o pé, mas o goleiro fez grande defesa. Aos 9, Benítez tentou cobrar falta da esquerda direto e levou perigo. Aos 15, Bruno César cobrou escanteio fechado e Talles subiu bem alto, mas acabou cabeceando por cima. Dois minutos depois, Bruno César pegou a sobra na entrada da área e arriscou, mandando perto do gol.

O Gigante pressionava e quase abriu o placar aos 18. Talles deixou Benítez na cara do gol e o argentino se esticou todo para tocar, mas o goleiro fez grande defesa. Aos 23, Talles recebeu na entrada da área e arriscou de canhota, mas parou no goleiro. os 25, o Vasco chegou em bela jogada, trocando passes, Andrey levou ao fundo e levantou para Germán Cano, que testou bonito, mas mandou pra fora. A insistência virou gol aos 38. Cano puxou contra-ataque pela direita e tocou em Raul, que devolveu no camisa 14 para completar ao fundo das redes: VASCO 1 a 0.














Comente essa notícia

Videos

Rolé no Rio - Leandro Castan

desenvolvido por: