Em 14/08/2014 às 15h44


Em clássico disputado, Vasco perde para o Flamengo por 1 a 0

Por: Vasco.com.br

Neste domingo (19), o Vasco da Gama enfrentou o Flamengo no grande clássico carioca, pressionou boa parte do jogo, mas acabou perdendo por 1 a 0. O gol foi marcado por Vagner Love, ainda no primeiro tempo. Com o resultado, o Gigante da Colina continua na terceira posição do Brasileirão 2012.

O jogo

Vasco pressiona, mas Flamengo marca

O primeiro lance de perigo foi do Flamengo, aos 4 minutos de jogo. Negueba fez boa jogada e passou para Luiz Antônio, que arriscou e deu um chutão por cima do gol. Aos 8 minutos, o atacante Eder Luis deu um belo drible em Ramon, que o segurou e fez a falta. A cobrança de Auremir não levou grande perigo para o gol de Felipe.

No começo o jogo não teve muitas jogadas de perigo. Eder Luis invadiu a área pela direita aos 10 minutos, mas acabou se enrolando com a defesa adversária. Aos 19 minutos, Marcos González discutiu com Felipe e levou cartão amarelo. Aos 21, foi o camisa 6 do Vasco que foi advertido por reclamação.

Aos 28 minutos, Negueba fez falta em Wendel e levou cartão amarelo. Um minuto depois, Nilton derrubou Vagner Love e também recebeu o cartão.

Aos 31 de jogo, Juninho cobrou falta para a área. Felipe desviou e o goleiro espalmou, na sequência Douglas cabeceou e o goleiro do Flamengo novamente espalmou a bola, que bateu na trave antes de sair em escanteio. No minuto seguinte, o camisa 6 do Vascão deu um belo passe de três dedos para Wendel, que invadiu a área e bateu cruzado. Felipe se esticou todo para dar um toque na bola e mandar para escanteio.

O time cruz-maltino estava colocando pressão. Com 35 minutos de jogo, Juninho viu Felipe adiantado e tentou de longe. O goleiro teve que se esticar para pegar a bola. Mesmo com o Vascão melhor no jogo, foi o Flamengo que abriu o placar. Aos 37, Ramon fez boa jogada e bateu, Vagner Love aproveitou o rebote e mandou para as redes do goleiro Prass. E foi a última jogada importante do primeiro tempo.
 

Vascão tenta, mas não sai do zero

Cristovão Borges fez uma alteração no intervalo: Carlos Alberto entrou no lugar de Felipe. Logo no início, o meia já fez falta em Cáceres e levou cartão amarelo. E a primeira jogada de perigo foi justamente do camisa 84, que recebeu de William Matheus e mandou uma bomba, que Felipe espalmou para fora. No minuto seguinte, Negueba roubou a bola de Auremir e foi para o ataque com Thomás, que chutou rasteiro em cima do goleiro Fernando Prass.

Aos 14 minutos, Juninho cobrou escanteio. A bola passou por todo mundo e chegou em Carlos Alberto, que mandou para o gol, mas Felipe fez boa defesa. Aos 21, Eder Luis deu lugar para Pipico, e aos 23, Adryan entrou no lugar de Thomás no Flamengo.

O Vasco tentava chegar ao empate, mas os times não conseguiam fazer boas jogadas de ataque. Aos 29 do segundo tempo, Vagner Love recebeu sozinho e marcou, mas estava impedido e o juiz anulou o gol. Em seguida, Eduardo Costa entrou no lugar de Wendel. No Flamengo, Muralha entrou no lugar de Negueba.

Aos 36, Adryan, que entrou no segundo tempo, fez falta feia, com o pé na altura do rosto de Auremir, mas levou apenas o cartão amarelo. Dois minutos depois, o Flamengo quase aumentou o placar. O mesmo Adryan fez boa jogada pela esquerda, cortou Juninho e mandou para Leo Moura. O lateral pegou mal na bola e Pipico salvou em cima da linha.

Aos 43, Leo Moura levou o cartão amarelo. Em seguinda, Ramon saiu para a entrada de Deivid no Flamengo. Aos 45 minutos, Dedé fez boa jogada no ataque, mas acabou errando o chute. O Vasco ainda foi todo para o ataque no final, mas o gol não saiu.
 

Próximo jogo

O próximo compromisso do Cruz-Maltino é contra o Fluminense, no Engenhão, no próximo sábado (25).

 

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1 X 0 VASCO

Local: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data/Hora: 19/08/2012 – 18h30
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ)
Assistentes: Rodrigo Pereira Joia (Fifa/RJ) e Dibert Pedrosa Moisés (Fifa/RJ)
Cartões amarelos: Marcos González, Negueba, Adryan, Leo Moura (Flamengo); Felipe, Nilton, Carlos Alberto, Alecsandro (Vasco).
Gols: Vagner Love, 37’/1ºT (1-0)

FLAMENGO: Felipe; Léo Moura, Welinton, González, Ramon (Deivid); Luiz Antonio, Cáceres e Renato; Negueba (Muralha), Vagner Love e Thomás (Adryan). Técnico: Dorival Júnior.

VASCO: Fernando Prass; Auremir, Dedé, Douglas e William Matheus; Nilton, Wendel (Eduardo Costa), Juninho e Felipe (Carlos Alberto); Eder Luis (Pipico) e Alecssandro. Técnico: Cristovão Borges.

Comente essa notícia

Videos

#JamaisTerásACruz

desenvolvido por: