Em 14/08/2014 às 15h44


Vasco empata e é eliminado do Campeonato Brasileiro Feminino

Por: Vasco.com.br

Às 15h desta quarta-feira (16), o Vasco entrou no gramado de São Januário precisando vencer o Kinderman-SC para se classificar para a próxima fase do Campeonato Brasileiro Feminino sem depender de outros resultados. No entanto, o empate de 1 a 1 no final dos noventa minutos, aliado à vitória de São José por 3 a 0, eliminou a equipe vascaína pelo critério de saldo de gols. Mesmo estando à frente do placar na maior parte do tempo, o que lhe garantia a classificação, o Gigante da Colina sofreu frustrante gol no último lance do jogo, de pênalti, para desolação das atletas cruzmaltinas.

As duas equipes precisavam da vitória para a classificação. A única chance de o São José passar de fase era se o jogo de São Januário terminasse em igualdade, o que acabou se concretizando. O primeiro tempo começou de forma equilibrada, com muitas faltas no meio de campo, o que atrapalhava a progressão das jogadas.  O Vasco, do treinador Marcos Silva, atuava com uma linha de três jogadoras, Andréa pela esquerda, Barbara centralizada e Larissa pela direita, atrás da centroavante Danielle. Porém, as atletas não conseguiam furar o bloqueio de três zagueiras, armado pelo Kinderman. A primeira etapa terminou, então, com as chances mais claras vindo de chutes de fora da área.

No segundo-tempo, a necessidade da vitória tornava-se mais urgente, ainda mais depois que o São José abriu o placar contra o Ascoop. A tarefa vascaína ficou mais fácil quando, aos 22 minutos, a zagueira Dani, da equipe catarinense, foi expulsa após fazer falta dura em Larissa e receber o segundo cartão amarelo. Aproveitando-se da superioridade numérica, o Vasco foi para cima e abriu o placar logo depois, antes dos 30 minutos, com Barbara. A jogada nasceu após rápida cobrança de lateral para Larissa na ponta direita, que deu passe preciso para sua companheira empurrar a bola para o fundo das redes.

Após o gol, a partida parecia à feição do Gigante da Colina, que tirava proveito dos espaços cedidos pelas adversárias, e criava muito perigo nos contra ataques. Porém, muitas chances foram desperdiçadas para matar o jogo, principalmente com Danielle, Larissa e Juliana, que havia entrado no lugar de Andréa. E o castigo, frustrante, veio no último lance da partida. Ao bater um tiro de meta, a zagueira e capitã Tânia Maranhão, que fazia grande partida até o momento, optou por não dar um chutão e preferiu sair jogando. O passe, no entanto, foi fraco e possibilitou que a atacante catarinense roubasse a bola e invadisse a área, até sofrer pênalti de Pâmela. Na cobrança, a camisa 10 Andressinha chutou forte e marcou o gol de empate do Kinderman. Na saída de bola, a juíza apitou o final de jogo.

Com o empate em 1 a 1, restava a torcida para que o São José não ganhasse seu jogo. No entanto, a decepção se concretizou quando foi confirmada a vitória do time paulista por 3 a 0. Assim, o Vasco terminou a classificação do grupo 2 na terceira posição, com seis pontos ganhos e dois gols de saldo a menos que a equipe do interior de São Paulo, logo, sendo eliminado da próxima fase do torneio.  Na saída do jogo, a capitã Tânia Maranhão lamentou a desatenção no final do jogo e a atuação da arbitragem:

- É uma pena ter ocorrido esse lance no último minuto, porque nosso grupo merecia muito a classificação. Agora, a arbitragem nos prejudicou, porque no primeiro tempo eu sofri um pênalti claro em um cruzamento, e nesse lance final eu acho que não foi falta na atacante deles – frisou a zagueira.

O técnico Marcos Silva também lamentou o resultado, mas manteve o otimismo para os próximos desafios:

- Nós sabíamos que seria um jogo difícil, infelizmente caímos em um grupo muito complicado, mas demos nosso melhor. Agora é pensar no Estadual, que vem pela frente – concluiu o comandante.

Confira as fotos da partida:

Comente essa notícia

Videos

Rolé no Rio - Leandro Castan

desenvolvido por: