Sub-17 reage, empata com o Fluminense e mantém a liderança da Copa Rio

sexta-feira, 22/04/2022

Por: Matheus Babo, Nova Iguaçu

O Sub-17 empatou em 3 a 3 em um jogaço diante do Fluminense, neste sábado (22/4), pela Copa Rio, no Estádio Nivaldo Pereira. Os gols vascaínos foram marcados por Luiz Felipe e GB (2). Com o resultado, o Cruzmaltino manteve a liderança da competição, com 13 pontos ganhos.

O próximo compromisso dos Meninos da Colina será na quarta-feira (27/4), diante do Progresso-RS, pela Copa do Brasil. No sábado (30/4), diante do Flamengo, na Gávea, também pela Copa Rio.

Foto: Matheus Lima/Vasco

O JOGO

A primeira chance foi aos 6, com André, que arriscou da entrada da área mandou pra fora. Aos 13, Gustavinho arriscou de fora, mas sem muita força. Aos 15, Estrella invadiu a área, foi derrubado e o árbitro ignorou o pênalti. Um minuto depois, o mesmo Estrella cobrou falta da entrada da área, mas parou no goleiro. Aos 24, GB entrou bem pela direita e tentou o passe pra Rayan, a bola desviou e André quase chegou pra completar.

Aos 26, GB fez linda jogada pela direita, tabelou com Estrella e quase marcou um golaço. Aos 29, Rayan tentou da entrada da área e a bola explodiu no zagueiro. Aos 31, o adversário abriu o placar: 1 a 0. Aos 37, André recebeu cruzamento de Gustavinho e desviou de cabeça, mas mandou pra fora.

Foto: Matheus Lima/Vasco

A primeira chance da segunda etapa foi logo aos 2 minutos, com JP, em batida da entrada da área, mas mandou por cima. Aos 9, o adversário ampliou: 2 a 0. Aos 14, após boa cobrança de escanteioe bate-rebate na área, Luiz Felipe completou para as redes e diminuiu o placar: 2 a 1. Aos 18, Estrella recebeu na direita, invadiu a área, driblou o zagueiro e foi derrubado. Pênalti que GB cobrou com categoria para empatar: 2 a 2.

Aos 25, o adversário desempatou: 3 a 2. Aos 28, GB aproveitou erro do goleiro e bateu de canhota, mas a zaga salvou. Aos 29, Estrella recebeu na área e foi derrubado novamente. Pênalti que GB novamente cobrou com categoria, trocando o lado, para empatar: 3 a 3. Aos 47, Igor recebeu na área e encheu o pé. A bola caprichosamente explodiu na trave.

Foto: Matheus Lima/Vasco

Escalação do Vasco: Lecce, Gustavinho (Igor), Luiz Felipe, Lyncon e Pablo (Luiz Gustavo); Matheus (Caetano), JP (Gabriel Sá) e Estrella (Guga); Rayan, André (Kauan Kelvin) e GB – Técnico: Gustavo Almeida

Vasco da Gama, o time que venceu o racismo