Vasco, BlackDragons e Mercado Bitcoin firmam parceria para o desenvolvimento dos eSports no Clube

quinta-feira, 03/06/2021

Por: João Pedro Isidro, São Januário

Visando maiores resultados nos eSports, o Club de Regatas Vasco da Gama fechou uma parceria com a equipe Black Dragons para, em conjunto, comandarem a área no Clube. O objetivo é desenvolver as equipes de esportes eletrônicos, atraindo parceiros do mercado para estarem ao lado do Cruzmaltino.

Com o novo acordo, além dos cenários de Pro Evolution Soccer e Wild Rift, o Vasco pretende, ainda este ano, expandir para novas modalidades. A parte operacional será toda conduzida pela Black Dragons, sem gerar custos financeiros ao Clube. Além dessas novidades, o projeto será patrocinado pelo Mercado Bitcoin e o uniforme oficial dos eSports, produzido pela Kappa, estará à venda nas Lojas Gigante da Colina e Vasco Store.

O CEO do Mercado Bitcoin, Reinaldo Rabelo, comentou a importância deste patrocínio.

– O Mercado Bitcoin está sempre conectado a novidades como essa. Para a gente, patrocinar a equipe do Vasco eSports em parceria com a Black Dragons, que tem uma longa trajetória de sucesso, é uma oportunidade para unir o mundo cripto ao ecossistema dos e-Sports.

Para ajudar na seleção dos atletas que defenderão o manto cruzmaltino e também para angariar fundos ao projeto, o Clube fará, pela primeira vez, peneiras virtuais. As inscrições abrirão em breve.

O Vice-Presidente de Marketing do Clube, Vitor Roma, falou sobre a importância desse início de trajetória ao lado da nova parceira.

– O eSports é um mercado de 1,5 bilhão de dólares e tem uma trajetória de deixar muitos setores com inveja. Os jogadores são celebridades, os torneios enchem arenas e os patrocinadores a cada dia se aproximam mais. A audiência dos campeonatos é maior do que a do futebol. Não estamos mais falando de algo do futuro e sim do presente. E hoje o Vasco dá um passo importante em direção a este universo, se aliando a uma marca importante e líder, como devem ser os parceiros do Clube. É só o início dessa trajetória e estar ao lado da Black Dragons neste projeto é motivo de muito orgulho para nós.

A CEO da Black Dragons, Nicolle Merhy, conhecida no mundo gamer como Cherrygumms, ressaltou a luta história do Vasco da Gama pela igualdade.

– Nossa parceria com o Vasco da Gama na gestão do time no esporte eletrônico chancela o nosso trabalho, que fazemos há anos. Ter a oportunidade de liderar a gestão dos eSports de um time com quase 123 anos de história, história essa de muitas conquistas, tanto dentro do campo quanto fora dele, principalmente nos bastidores pela busca na igualdade no esporte, é uma grande honra e uma enorme responsabilidade para conseguir estar à altura desse nome de peso. Estamos ansiosos pelos anos que virão e pelas histórias que vamos construir juntos!

Sobre a Black Dragons

A Black Dragons está no mercado dos esportes eletrônicos desde 1997 e já foi eleita por voto popular como a “Melhor Organização de Esports”, em 2018, pelo Prêmio Esports Brasil. Além disso, foi o primeiro time a lançar um aplicativo próprio e para todas as plataformas, chegando a mais de 10 mil downloads em menos de 10 horas. A equipe trabalha com mais de 25 marcas renomadas no mundo dos eSports e será uma grande parceira do CRVG na construção desse projeto.

Vasco da Gama, o time que venceu o racismo