Vasco derrota Palmeiras e segue vivo no Brasileirão sub-20

terça-feira, 25/07/2017


Gol de Evander manteve Vasco vivo no Brasileiro- Fotos: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

Vivo na disputa! É dessa forma que o sub-20 do Vasco da Gama retornará ao Rio de Janeiro na noite desta terça-feira (25/07). Em jogo válido pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, o Gigante da Colina derrotou o Palmeiras por 1 a 0 na Arena Barueri, em São Paulo. O gol do triunfo cruzmaltino foi marcado por Evander, após grande jogada de Alan Cardoso pela ponta direita.

Com o resultado, o Almirante chegou aos quatro pontos, assumiu a terceira colocação e se manteve na briga por uma das vagas do Grupo D para a segunda fase do torneio nacional. Para seguir na briga pelo título, o Vasco precisa vencer o Cruzeiro na última rodada, que acontecerá na próxima semana. O clube de São Januário enfrentará a Raposa dentro dos seus domínios.

O JOGO


Marrony levou bastante perigo durante o primeiro tempo

A partida começou bastante equilibrada, sem chance de gol para nenhum dos lados. Por atuar dentro de seus domínios, o Palmeiras buscava propor o jogo, mas esbarra na bem postada defesa cruzmaltina. Aos 22 minutos, a primeira grande chance do duelo. Alan Cardoso roubou a bola no campo de defesa, aplicou uma caneta no marcador e deixou Marrony na cara do gol. O camisa 9, porém, acabou finalizando em cima de Daniel Fuzato. O goleiro  Alviverde voltou a aparecer aos 34 minutos, dessa vez para defender arremates seguidos de Evander e Marrony. 

O Palmeiras cresceu após os sustos e, aos 35, ficou próximo de abrir o placar. Na ocasião, Yan aproveitou um cochilo da retaguarda vascaína, evoluiu até a entrada da grande área e chutou com força. Para a felicidade dos vascaínos, a bola acabou indo para fora. A resposta do Gigante da Colina veio no minuto final do primeiro tempo, novamente com Evander. Em cobrança de falta da intermediária, o camisa 10 finalizou com força e obrigou o camisa 1 palmeirense a espalmar a bola para escanteio.


Dudu puxa jogada de ataque do Gigante da Colina

Necessitando da vitória para seguir vivo no Brasileiro, o Vasco se lançou ao ataque na etapa final. O Palmeiras, por sua vez, adotou a estratégia de apostar nos contra-golpes, mas foi o Almirante, aos 20 minutos, que assustou primeiro. Na ocasião, Evander bateu falta no ângulo e Daniel Fuzato, mais uma vez, foi no alto para evitar o gol. O goleiro rival não foi o único que apareceu bem no jogo. Aos 24, após confusão na pequena área, a bola sobrou para Iacovelli e ele só não balançou as redes devido a uma grande intervenção de João Pedro.

O duelo se tornou mais aberto na metade final do segundo tempo. Aos 27, Bruno Cosendey recuperou a bola no meio-campo e deu um passe açucarado para Pedro Bezerra, mas o atacante chutou para fora. O Vasco seguiu atacando e teve boas chances de inaugurar o marcador após o cronômetro marcar 35 minutos, com Evander e Bruno Cosendey. O Palmeiras teve a chance de matar o jogo aos 39, mas Airton, de frente para o gol e sem goleiro, escorregou e não conseguiu concluir.


Moresche, Alan, Evander e Pedro festeja gol da vitória- Fotos: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

No futebol, já dizia o ditado, “quem não faz, leva”, e foi justamente isso que aconteceu. Aos 43, Alan Cardoso foi lançando na ponta direita, limpou três marcadores, invadiu a área e tocou na marca do pênalti, onde estava Evander, que não desperdiçou. Com um belo chute de primeira, o camisa 10 estufou as redes do Alviverde e colocou o Cruzmaltino em vantagem. Nos minutos seguintes, o adversário foi com tudo para o ataque em busca do empate, mas pouco conseguiu criar.

Escalação do Vasco: João Pedro, Rafael França, Ulisses, Ricardo e Alan Cardoso; Andrey (Luan), Bruno Cosendey e Dudu (João Victor); Evander, Marrony (Pedro Bezerra) e Robinho (Moresche). Treinador: Marcus Alexandre.