Vasco desencanta no fim, vence Boa e assume a liderança

sexta-feira, 10/10/2014

Edmílson festeja segundo gol vascaíno- Fotos: Marcelo Sadio – Vasco.com.br

Na noite desta sexta-feira (10/10) o Vascão da Gama venceu o Boa Esporte garantindo a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro, na rodada de número 29. A equipe cruz-maltina agora espera o jogo entre Ponte Preta e Santa Cruz. Caso a Macaca tropece dentro de casa, o Gigante assume de vez o topo da tabela. 

O JOGO

Com apenas um minuto de jogo quem começou atacando foi a equipe visitante, Morato arriscou, Jordi espalmou e a zaga jogou para escanteio. Após a cobrança, a bola sobrou limpa para Betinho acertar um balaço no travessão.

Após sete minutos, o Vasco chegou próximo ao ataque e Douglas caiu na área, a galera pediu pênalti, mas nada foi marcado. Aos 11, jogadão de Kléber Gladiador, deu um 'drible da vaca' no zagueiro adversário, entrou sozinho, no entanto, Emerson saiu bem e defendeu o chute. Em seguida, foi a vez de Maxi Rodriguez fazer grande jogada e saindo de dois marcadores e chutando próximo a trave. As equipes dividiam a posse de bola, o Boa respondeu subindo para o ataque chutando por cima com Eric.

Diego Renan em ação contra o Boa Esporte

Aos 29, boa jogada de Kleber, e depois de uma espirrada na zaga, Maxi Rodriguez arriscou, a bola bateu na zaga e saiu. Dois minutos depois, o uruguaio de novo, tentou de fora da área, o goleirão deu rebote mas o setor defensivo afastou. Aos 42, Fabrício recebeu na pequena área mas bateu quase sem ângulo e o goleiro defendeu. No último minuto da primeira etapa, pressão vascaína e Dakson cabeceou de costas para a meta, a redonda quase encobriu o goleiro

Pontapé inicial para a segunda etapa, e o técnico Joel Santana fez uma mudança ousada para armar o time mais ofensivamente sacando o volante Fabrício e colocando o atacante Edmílson. Os dois times demonstravam vontade de chegar ao primeiro gol, mas foi o Vasco que chegou com mais perigo no início com Dakson que, aos cinco contados, cruzou uma bola venenosa que o goleiro desviou para escanteio. Dois minutos depois, a zaga do time mineiro desviou contra e Emerson no reflexo fez uma defesa espetacular.

Aos 10, O Vasco sentia que estava na hora do gol, após excelente jogada de Kleber, a bola veio da direita, Douglas se antecipou ao marcador e carimbou o travessão.  Aos 13 foi Diego Renan que recebeu lançamento de Douglas Silva, amorteceu no peito e chutou para o goleiro do Boa dar um tapinha por cima. Aos 20, o visitante chegou com perigo, bateu, a bola desviou na zaga cruz-maltina mas o árbitro não viu e deu tiro de meta. O Vasco respondeu dois minutos depois com Dakson que tentou com categoria na entrada da área mas a bola subiu. No minuto seguinte, mais calor vascaíno, Edmílson cabeceou e o defensor afastou como deu.

Douglas Silva quase deixou o seu na Colina

O gol do Vasco parecia prestes a sair, e o Boa Esporte parecia se defender somente retardando o jogo. Todos os atletas deles caíam em campo e solicitavam atendimento médico. Aos 31, Douglas cruzou na medida, mas Kléber cabeceou mal. Com 35, foi a vez de Jordi trabalhar depois de chute rasteiro nosso jovem goleirão encaixou com segurança.

No finzinho, a justiça que muitas vezes falta no placar apareceu, Douglas aos 40 cobrou falta da intermediária a pelota quicou próximo a marca do pênalti, não desviou em ninguém e morreu no fundo do barbante. 1 a 0 chorado e merecido para o Vascão. A torcida estava ao delírio, quando aos 44, Montoya fez excelente jogada e chutou da entrada da área, a bola foi rasteirinha no pé da trave e sobrar para ele, Edmito escorar para dentro, 2 a 0 Gigante da Colina. Alegria da torcida, do arrojado Joel e dos nossos atletas que brigaram até o fim.

Pela trigésima rodada da Série B, o próximo desafio será fora de casa, sábado que vem (16h10), na Arena Pernambuco, contra o mesmo Santa que pode garantir amanhã (11) a primeira colocação do Almirante na competição.  

Jogadores se abraçam após gol marcado por Douglas

FICHA TÉCNICA

VASCO DA GAMA 2 x 0  BOA ESPORTE (MG)

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 10 de outubro de 2014 (sexta-feira)

Horário: 19h30 (de Brasília)

Árbitro: Antonio Neuriclaudio R. Costa – AC

Assistentes: Marcia Bezerra Lopes Caetano – RO e Jean Carlos Rodrigues da Silva – AC

Público pagante: 7.880 torcedores

Público presente: 9.077 pessoas

Renda: R$ 123.570,00

Cartões amarelos: Dakson, Kleber (Vasco); Eric, Ciro, Piauí, Romão (Boa Esporte)

Gols: Douglas (40'/ 2º tempo) e Edmílson (44´ / 2º tempo)

VASCO DA GAMA: Jordi, Diego Renan, Rodrigo, Douglas Silva e Marlon; Fabrício (Edmílson), Pedro Ken, Dakson e Douglas ; Maxí Rodriguez (Montoya) e Kléber (Lucas Crispim). Técnico: Joel Santana

BOA ESPORTE: Emerson, Eric, Ciro, Lula e Piauí; Willian Magrão, Willian Favoni (Willian Mineiro), Morato, Betinho; Malaquias e Romão (Vini). Técnico: Nedo Xavier. 

Edmílson recebe carinho após anotar o segundo tento- Fotos: Marcelo Sadio- Vasco.com.br