Vasco é superado pelo Internacional no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil Sub-20

sexta-feira, 14/05/2021

Por: Breno Prata, São Januário

Em partida válida pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil Sub-20, o Vasco acabou sendo superado pelo Internacional por 1 a 0, em São Januário. Com esse resultado, a equipe comnadada pelo técnico Diogo Siston precisa vencer o segundo confronto por dois gols de diferença. O segundo jogo acontece no próximo sábado (22/05), às 19h, com local ainda a definir.

Marcos Dias em ação contra o Internacional (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

O JOGO

O Vasco começou a partida estudando as ações do adversário e buscando sair em velocidade para o ataque. A primeira investida vascaína veio aos 24 minutos, após cobrança de escanteio, o goleiro adversário acabou saindo mal na bola e Zé Vitor ganhou pelo alto. O zagueiro vascaíno chegou testando na direção de Marcos Dias que se posicionava de frente para o gol aberto, porém antes da bola chegar aos camisa 7, a zaga adversária chegou cortando. Aos 37, Arthur recuperou a bola no meio campo e tocou para Rodrigo, o volante vascaíno de primeira achou Marcos Paulo. O camisa 9 achou um belíssimo passe para Marcos Dias que entrava com velocidade pela esquerda, porém antes do atacante chegar na bola, o goleiro adversário interviu. Aos 42, Marcos Dias recebeu com liberdade pelo meio, levantou a cabeça e acionou Marcos Paulo. O atacante vascaíno dominou, cortou a marcação e tentou a finalização colocada, porém a bola acabou saindo por cima da meta.

Os Meninos da Colina voltaram para a segunda etapa buscando tirar o zero do placar. Aos 8 minutos, Arthur recuperou a bola no campo de defesa e percebeu o goleiro adiantado. O camisa 11 tentou a finalização de antes do meio campo e por muito pouco não anotou um golaço, a bola saiu raspando o travessão adversário. Aos 20, o adversário abriu o placar: 1 a 0. Aos 28, Rodrigo enfiou para Michael que invadia a área pela direita, o atacante chegou disputando com o goleiro e a bola acabou sobrando para Marlon Gomes. O camisa 10 chegou batendo de primeira, para tentar surpreender a defesa e a bola acabou saindo por cima do gol. Aos 39, Caio Dantas acionou Arthur pela direita, o camisa 11 cortou um marcador, puxou para o meio e arriscou a finalização de longa distância, a bola acabou se perdendo pela linha de fundo.

Escalação do Vasco: Fintelman, JP Galvão (Caio Dantas), Menezes, Zé Vitor e Caio Eduardo; Andrey, Rodrigo (Marlon Santos) e Marlon Gomes; Marcos Paulo (Michael), Arthur e Marcos Dias – Técnico: Diogo Siston

Vasco da Gama, o time que venceu o racismo