Vasco empata com o Botafogo pela 4ª rodada da Taça Guanabara Sub-20

quarta-feira, 23/06/2021

Por: Breno Prata, CEFAT

O Vasco da Gama empatou em 1 a 1 com o Botafogo, em partida atrasada da 4ª rodada da Taça Guanabara Sub-20. O autor do gol vascaíno foi o meia Marlon Gomes. Com esse resultado, os Meninos da Colina chegaram aos 12 pontos e permaneceram na 3ª colocação. O próximo compromisso da equipe comandada pelo técnico Diogo Siston será válido pela 1ª rodada do Campeonato Brasileiro. O adversário da vez será a Chapecoense e o confronto acontece às 10h, no Estádio Nivaldo Pereira.

Meninos da Colina comemoram gol no clássico (Foto: Vitor Brügger/Vasco)

O JOGO

O Vasco começou a partida estudando as ações do adversário e buscando sair em velocidade ao ataque. A primeira investida vascaína veio aos 21 minutos, Caio Eduardo recebeu pelo meio e acionou Marcos Dias, o atacante vascaíno com um toque aplicou um chapéu na marcação, invadiu a área e encheu o pé. A bola acabou parando na boa defesa do goleiro adversário. No minuto seguinte, Caio Eduardo avançou pela esquerda, invadiu a área e cruzou rasteiro para a marca do pênalti. Marlon Gomes livre de marcação chegou batendo de primeira e colocou no cantinho: VASCO 1 a 0.

Aos 34, o adversário empatou a partida: 1 a 1. Aos 37, Menezes achou um belo passe para Arthur pelo meio, o atacante vascaíno avançou, limpou a marcação e arriscou a finalização de fora da área. A bola que tomava o rumo do gol, acabou parando na boa defesa do goleiro.

O Vasco voltou para a segunda etapa administrando as ações da partida e buscando incomodar a defesa adversária. A primeira investida vascaína veio aos 6 minutos, Marlon Gomes avançou pela esquerda e achou Rodrigo pelo meio. O volante vascaíno de primeira acionou Marcos Dias, que também de primeira achou Arthur livre dentro da área. O camisa 11 sem deixar a bola cair finalizou e a bola saiu com muito perigo.

Apesar de pouco incomodar no decorrer da segunda etapa, os Meninos da Colina souberam administrar as ações da partida e não encontraram dificuldade no setor defensivo.

Escalação do Vasco: Pablo, JP Galvão (Saulo), Menezes, Zé Vitor e Julião; Rodrigo, Caio Eduardo (Diego) e Marlon Gomes; Emerson Urso (Marcos Paulo), Arthur (Marlon Santos) e Marcos Dias (Juan) – Técnico: Diogo Siston

Vasco da Gama, o time que venceu o racismo