Vasco perde para o Cruzeiro no Mineirão

quarta-feira, 21/09/2022

Por: João Pedro Isidro, Assessoria de Imprensa

Jogando fora de casa, o Vasco da Gama foi derrotado para o Cruzeiro por 3 a 0 na noite desta quarta-feira (21), no Mineirão, em Belo Horizonte (MG). Com o resultado, o Vasco da Gama vai encerrar a 31ª rodada na zona de classificação para a Série A, na quarta colocação, com 48 pontos. O próximo compromisso do cruzmaltino será na quinta-feira (29/9), contra o Londrina, em São Januário, partida com ingressos esgotados pela torcida vascaína no primeiro dia de vendas.

Foto: Daniel Ramalho/Vasco

O JOGO

O Vasco começou pressionando e conseguiu três escanteios com menos de dois minutos de jogo. A partida ficou muito disputada pelo meio e a marcação no campo de ataque fez com que a dupla de volantes Andrey e Yuri Lara conseguissem recuperar muitas bolas. Aos 24 minutos, o Vasco perdeu a bola no campo de defesa e Machado arriscou o chute de fora da área, a bola desviou em Danilo Boza e foi no contrapé de Thiago Rodrigues, Cruzeiro 1 a 0. Aos 40, Eguinaldo puxou contra-ataque e serviu Marlon Gomes, que passou pelo primeiro defensor, mas na sequência, o zagueiro conseguiu cortar.

Com as alterações do intervalo o Vasco voltou e conseguiu ter mais a posse da bola do que na primeira etapa. Logo no primeiro minuto, Figueiredo tentou inversão para Eguinaldo, mas a bola foi forte demais. Na sequência, Nenê cruzou para Figueiredo que tentou cabecear, mas a bola foi para fora. Aos 14, em contra-ataque rápido, o Cruzeiro conseguiu ampliar com Edu. Aos 20, Edimar serviu Andrey que arriscou de fora da área, mas a bola passou por cima. Aos 37, Gabriel Pec cobrou escanteio pela direita e Danilo Boza cabeceou com perigo. Três minutos depois, o Cruzeiro avançou pela esquerda e Luvannor fechou o placar, 3 a 0. Aos 46, Fábio Gomes arriscou de fora da área e a bola foi por cima do gol.

 

FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 3 X 0 VASCO

Local: Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: Quarta-feira, 21 de setembro de 2022
Horário: 21h (Brasília)

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP-Fifa)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP-Fifa)

Cartões amarelos:
Paulo Victor e Yuri Lara (Vasco) Stênio e Kaiki (Cruzeiro)

Gols:
Machado aos 24 minutos do primeiro tempo, Edu aos 14 minutos do segundo tempo.e Luvannor aos 40 minutos do segundo tempo.

CRUZEIRO: Rafael Cabral, Zé Ivaldo, Oliveira e Eduardo Brock; Kaiki (Cipriano), Machado, Neto Moura (Willian Oliveira) e Bruno Rodrigues; Stênio (Wesley Gasolina), Edu (Luvannor) e Lincoln (Daniel Júnior)
Técnico: Paulo Pezzolano

VASCO: Thiago Rodrigues, Léo Matos (Gabriel Pec), Danilo Boza, Anderson Conceição e Paulo Victor (Edimar); Yuri Lara, Andrey Santos, Marlon Gomes (Fábio Gomes) e Nenê (Alex Teixeira); Eguinaldo e Raniel (Figueiredo)
Técnico: Jorginho

Vasco da Gama, o time que venceu o racismo