Vasco vence o Tombense pelo Brasileiro com festa em São Januário

sábado, 13/08/2022

Por: Matheus Babo, São Januário

Em um sábado ensolarado de festa em São Januário, o Vasco derrotou o Tombense por 3 a 1, com gols de Andrey (2) e Marlon Gomes, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. O triunfo levou o Cruzmaltino aos 42 pontos, abrindo oito de vantagem para o quinto colocado na tabela de classificação.

O próximo compromisso do Gigante da Colina na competição será diante do CSA, na quinta-feira (18/8), às 20h, no Estádio Rei Pelé.

O JOGO

O Vasco começou o jogo em cima do adversário e abriu o placar logo aos 4 minutos. Marlon Gomes recebeu lançamento e achou Nenê na área. O camisa 10 cruzou pra trás e Andrey botou pra dentro: VASCO 1 a 0. Aos 16, Marlon Gomes recebeu pela direita, ganhou do marcador e foi derrubado próximo a área. Falta que Nenê cobrou direto, mas a defesa afastou. Dois minutos depois, Andrey achou Edimar na área pela esquerda e o lateral tentou o cruzamento, que acabou saindo forte demais.

Aos 22, o Vasco chegou novamente na bola parada e a bola sobrou para Quintero, que acabou batendo sem direção. O Vasco era melhor e aos 26, Raniel recebeu na entrada da área, trouxe pra canhota e bateu, a bola desviou no marcador e saiu em escanteio. Aos 40, Marlon Gomes dominou, botou o zagueiro pra dançar e bateu no cantinho para ampliar e marcar pela primeira vez como profissional. Golaço: VASCO 2 a 0.

O Gigante voltou para o segundo tempo como terminou o primeiro. Pressionando e buscando o gol. Aos 10 minutos, Figueiredo foi lançado por Andrey e saiu na cara do gol. Tirou do goleiro e acertou a trave. Aos 19, Alex Teixeira recebeu de Andrey em profundidade, mas acabou desarmado pela defesa adversária. Aos 22, Figueiredo e Palacios foram tabelando pela esquerda, mas a defesa afastou antes da dupla definir a jogada.

O Vasco dominava a partida e o Tombense só assustava no contra-ataque. Nas vezes que o adversário chegou, a defesa vascaína se mostrou bem atenta e segura. O terceiro gol não demorou para sair. Aos 27, o adversário saiu jogando errado e Eguinaldo recuperou, tocando em Palacios, que deu de primeira para Andrey finalizar e aumentar o placar: VASCO 3 a 0. Aos 33, Figueiredo fez bela jogada pela direita e a bola sobrou para Palacios, que bateu forte, mas tinham muitos jogadores um defensor se atirou na frente da bola e evitou o gol. Aos 39, o adversário descontou: 3 a 1.

 

Vasco da Gama, o time que venceu o racismo