Zé Ricardo avalia desempenho no Clássico dos Milhões

domingo, 06/03/2022

Após o clássico com o Flamengo pela Taça Guanabara, o técnico Zé Ricardo concedeu uma entrevista coletiva no Estádio Nilton Santos. O comandante vascaíno avaliou que o Gigante da Colina teve um boa atuação no “Clássico dos Milhões” e citou que todo o tempo a equipe busca o equilíbrio.

– Sem dúvida fica um sentimento de que a gente conseguiu fazer um bom jogo. Só mesmo depois com as avaliações do vídeo é que a gente vai tomar ciência de tudo que aconteceu na partida. Mas acredito que conseguimos fazer o que tinha sido planejado, foi uma semana difícil, com duas viagens, dois jogos eliminatórios, um deles um clássico contra o maior rival. No futebol a gente busca o tempo todo o equilíbrio – avaliou o comandante Cruzmaltino.

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

Zé Ricardo voltou a dizer que o Gigante da Colina fez uma boa partida. O técnico disse ainda que a equipe criou boas oportunidades e que a defesa vascaína foi mais segura. Antes de finalizar, o comandante avaliou que é nessa caminhada de crescimento que espera ver o Vasco na temporada, sempre buscando a evolução em todos os setores.

– Sabemos que, em alguns momentos, o mínimo detalhe, uma desatenção, uma contusão podem tirar um pouco do brilho da equipe. Mas hoje realmente fizemos um bom jogo, criamos algumas oportunidades, fomos mais seguros defensivamente. E é nessa caminhada de crescimento que a gente espera ver o Vasco na temporada, sempre buscando a evolução em todos os setores – disse ele.

Confira outros trechos da entrevista coletiva: 

Mudanças na escalação

– Fez parte da nossa leitura, consultamos os departamentos do clube para saber a condição de cada atleta, muitos numa sequência de vários jogos. Preparamos a equipe para vencer e reverter a vantagem das semifinais. Entendemos que as entradas do Léo Matos, Riquelme e Getulio poderia dar minutagem para eles, mas também descansar os colegas. Fiquei feliz pela entrega, por seguir a estratégia que traçamos, infelizmente saímos tristes pelo resultado. Agora é descansar para a Copa do Brasil.

Saída do Gabriel Pec

– Preparamos o Jhon pra jogar esse fim de jogo, é um jogador de potência, evoluiu fisicamente. O Pec é muito jovem, está se formando ainda, trabalha em espaços longos com muito piques e a preocupação é tê-lo 100%. Foi importante nesses primeiros jogos e seguirá sendo importante. A entrada do Jhon foi planejada.

Vasco da Gama, o time que venceu o racismo