Em 22/09/2019 às 18h41


Luxemburgo aprova desempenho diante do Athletico e vê Vasco em evolução

Por: Assessoria de Imprensa

São Januário, Rio de Janeiro

O empate em 1 a 1 com o Athletico Paranaense não foi bem o que o técnico Vanderlei Luxemburgo gostaria, mas dentro do que o jogo apresentou e a equipe exibiu de performance, o comandante vascaíno saiu satisfeito. Para Luxa, a equipe fez um jogo bom e poderia ter saído com um resultado melhor em São Januário, mas o placar igualado diante de uma forte equipe foi tratado como ponto conquistado.

image
Luxemburgo analisou o jogo diante do Athletico-PR (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

- Enfrentamos uma grande equipe, acabou de ganhar a Copa do Brasil, tem uma base pronta. É difícil de vencê-los. Time mais argentino que tem no Brasil. A equipe que mais toma tempo no jogo. Jogadores caídos, ganhando tempo na lesão. Eles sabem estar com o resultado. É uma equipe capacitada. Conquistamos um ponto importante - disse Luxemburgo, antes de falar sobre o gol de Henríquez, anulado no fim do jogo: 

- Futebol tem contato e tem horas que é difícil evitá-lo. Não vi em momento algum a intenção do Henríquez em pisar no goleiro. Não tem como fugir do choque. Acho que faltou essa sensibilidade ao VAR e ao árbitro. Temos que dar os parabéns aos nossos jogadores e a torcida do Vasco pela exibição de hoje. 

Luxemburgo também elogiou bastante a postura da torcida vascaína em mais um jogo com São Januário lotado e afirmou que a equipe tem evoluído e mostrado um bom desempenho dentro do Campeonato Brasileiro mesmo diante do times que estão na parte de cima da tabela:

- A torcida tem feito um papel maravilhoso. Não se volta contra o time em nenhum momento. Apoiou de novo, o tempo todo. O time está evoluindo. Houve as trocas normais, mantendo de início a estrutura tática e depois mudando. Houve um momento em que mudei a estrutura tática. Depois do pênalti, começamos a dominar o jogo. Eles só tinham o contra-ataque e a bola parada

Comente essa notícia

Videos

#JamaisTerásACruz

desenvolvido por: